Imprimir esta página
Nyusi reconhece trabalho das FDS nos teatros operacionais
17.Mar..2021

O PRESIDENTE da República e Comandante-Chefe das Forças de Defesa e Segurança (FDS), Filipe Nyusi, desafiou hoje (17), o Comando Geral da Polícia da República de Moçambique a criar mecanismos de reconhecimento dos militares que se destacam no combate ao terrorismo e ataques armados nas regiões Centro e Norte do país.

 

“O Comando-Geral da Polícia e o Ministério do Interior devem começar a introduzir subsídios para reconhecer aqueles que estão a combater o terrorismo. Tenho muitos no teatro Operacional Norte e Centro. São jovens que não ligam se é sábado ou domingo, esforçam-se debaixo da chuva e calor, de dia e noite estão no terreno, tomam conta do colega e da sua arma para prosseguir com a luta”, avançou Nyusi.

O Presidente falava no seu discurso de encerramento do 16º curso da Academia de Ciências Policiais (ACIPOL), em que foram graduados as níveis de mestrado e licenciatura, cuja cerimónia decorreu hoje, em Michafutene, distrito de Marracuene, província de Maputo.

Nyusi acrescentou que os jovens que se encontram nos teatros operacionais Centro e Norte merecem o nosso respeito, reconhecimento e admiração, porque estamos a registar constantes melhorias e deserções dos inimigos resultantes do fogo intensivo das FDS.

O Comandante-Chefe exigiu a PRM mais bravura e fidelidade a pátria, aprimorando o conhecimento científico e tecnológico para responder aos desafios das redes de criminosas que se desenvolvem no mundo, de modo a garantir a defesa, segurança e paz no país.