spanish
PR orienta à eliminação do terrorismo no país
17.Mar..2021
O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, orientou ontem as Forças de Defesa e Segurança (FDS) a intensificarem as suas acções, visando a eliminação do terrorismo e seus mentores que actuam em alguns distritos da província de Cabo Delgado. O Chefe do Estado falava no acto de investidura do novo Chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas de Defesa de Moçambique(FADM), Joaquim Rivas Mangrasse. O Comandante-Chefe das Forças de Defesa e Segurançaindicou que o Governo não vai mais tolerar as incursões da auto-proclamada Junta Militar da Renamo, que actua nas províncias de Sofala e Manica. “Não vamos tolerar, Mariano Nhongo (líder da Junta Militar) deve sair das matas. Não vamos permitir que continue a perturbar o normal curso do país”, sublinhou o Presidente Nyusi. Afirmou que as FDS devem assumir com zelo a sua missão de não permitir que nada ameace a soberania nacional e a marcha rumo ao desenvolvimento. Segundo o Presidente da República, para a indicação do Almirante Joaquim Mangrasse para o cargo de Chefe do Estado-Maior General pesou o seu carácter multidisciplinar, longa experiência na carreira militar, conhecimento transversal e abrangente da instituição, fora a capacidade de liderança. Afirmou que Joaquim Mangrasse é o primeiro no país a ser promovido para a patente de Almirante de carreirae tem o desafio de liderar o esforço de toda a arquitectura de defesa para imprimir maior dinamismo no sector. “Assume as novas funções num contexto em que as FDS ainda recordam com dor o desaparecimento físico,por doença, do General Eugénio Mussa, que com elevado profissionalismo serviu a pátria”, lamentou o Estadista.
Ler 246 vezes

Boletim Informativo

  • Mais Notícias
  • Delegações Provinciais

 

UNIDOS NA LUTA CONTRA A POBREZA

Subscreva ao boletim informativo